CQ,CQ,CQ. PP5AVM na frequência…

Bom dia! Boa tarde! Boa noite! CQ,CQ,CQ…    ou melhor:   -.-. –.-    -.-. –.-     -.-. –.-

Nosso querido PP5AVM, Lúcio recebe justa homenagem atravez da série “Caras de Joinville” do jornal A Noticia.
PP5AVM com seu singular cavalheirismo, ética e postura  que exemplificam o “ser radioamador”.
Parabens á vocês Lúcio PP5AVM, que assim como nossa tambem querida PP5AD (AN 04/11]20110), recebe justa homenagem da cidade de Joinvile e  do CRAJE.

——————————————————————-

28 de janeiro de 2012. | N° 1384
CARAS DE JOINVILLE (132)

PP5AVM na frequência

Esta é a identidade de Lúcio Thomazelli no radioamadorismo, atividade à qual se dedica há 68 anos. A paixão já lhe valeu até um prêmio internacional

Com o broche que ganhou como reconhecimento da Liga Norte-americana de Radioamadores cuidadosamente preso à camisa, seu Lúcio Thomazelli Neto exibe orgulhoso os cartões dos mais de 335 países com os quais fez contato pelo radioamador. Na semana passada, a marca lhe rendeu um prêmio concedido pela ARRL (sigla em inglês da liga norte-americana). Um verdadeiro feito, já que, no mundo, existem 343 países com radioamadores em operação.

É com muito carinho também que esse senhor de 85 anos desenrola sobre a mesa o primeiro certificado que recebeu, em junho de 1980, quando atingiu a marca de cem países contatados por meio dos sinais telegráficos.

Na era da internet e de equipamentos tecnológicos avançados, a paixão de seu Lúcio continua sendo o telégrafo, caso de amor que já dura 68 anos.

“Tudo começou em meados de 1943, quando entrei para a Marinha. Saí de Florianópolis no navio Ana, com destino a Angra dos Reis, para iniciar a carreira militar. Depois de oito meses de treinamento, em 1944, seguimos para a ilha das Enxadas, no Rio de Janeiro, e lá fiz o curso de radiotelegrafista na Escola Almirante Tamboré”, lembra.

Ele conta ainda que, por causa da Segunda Guerra Mundial, passava dias e noites diante do telégrafo, realizando escutas. Foi em uma dessas ocasiões, inclusive, que captaram as frequências que relatavam a explosão do cruzador Bahia, em 1945. “Parece que um canhão disparou um projétil que acertou o painel de controle do navio. Perdemos muitos colegas nesse acidente.”

Em 1957, seu Lúcio mudou-se para São Francisco do Sul, onde também trabalhava a serviço da Marinha. Há 30 anos, já aposentado, o telegrafista, que é de Araquari, veio morar em Joinville, mas continuou dedicando-se ao ofício.

Depois de algum tempo na cidade, em uma consulta, o médico Albano Schulz comentou sobre a existência do Clube de Radioamadores de Joinville (CRAJE), fundado em 1969, e o convidou para conhecer o local. Foi assim que passou a integrar o clube, do qual faz parte até hoje. Todas as quartas-feiras, ele e mais 28 participantes, entre veteranos e novatos, reúnem-se na sede para discutir sobre os assuntos de interesse do CRAJE.

“É um passatempo. Vou para o rádio, começo a fazer a pesquisa e, se encontro alguém, trocamos informações sobre as cidades, clima, etc. Se o camarada for bom de inglês, a conversa vai longe”, afirma Lúcio, explicando que a comunicação via radioamadores é feita somente em inglês, por isso, é preciso dominar o idioma.

Foi graças a toda essa dedicação ao radioamadorismo que ele atingiu a marca expressiva de 335 países, o que lhe rendeu a placa e o broche de reconhecimento internacional. Na verdade, ele explica que, ao todo, já fez contato com 339 países. “Como alguns deles deixaram de ser independentes, não foram contabilizados”, esclarece.

Lúcio, que todos os dias senta-se junto do telégrafo que mantém em casa e com o código PP5AVM, sua identidade no universo dos radioamadores, passa horas tentando encontrar frequências para, quem sabe, em breve, completar o mapa-múndi dos países com radioamadores em operação.

roberta.benzati@an.com.br

Comments: 1

  1. Posted by Anonymous 30 jan 2012 at 02:30 Reply

    Em 2008 o Lucio-PP5AVM, participou de um evento de encontro de CWblista Nacional aqui em Joinville.

Leave a Comment!

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Related Posts